Catarata

Catarata


A catarata surge quando o cristalino perde a sua transparência. O cristalino é esta pequena lente atrás da pupila, que converge os fotões na retina, permitindo assim a focagem do olho. Se o cristalino se torna uniformemente opaco, a quantidade de fotões que o atravessam é menor, o que torna a visão progressivamente mais turva, com uma possível alteração da visão de cores.

Se apenas uma parte do cristalino se tornar opaca, as luzes tornam-se incomodativas especialmente durante a noite, afectando algumas actividades tal como a condução automóvel. Se é apenas o núcleo central a ficar opaco, pode ocorrer visão dupla no olho afectado.

O tratamento da catarata implica sempre uma intervenção cirúrgica com o objectivo de substituir o cristalino. Na maioria dos casos a equipa cirúrgica procede do seguinte modo: no início do procedimento, o olho é preenchido com um produto viscoelástico que vai proteger os tecidos oculares, especialmente a córnea. De seguida, o cirurgião retira a membrana anterior do cristalino executando a chamada “capsulorrexis”. Usando um aparelho com ultra sons, o cirurgião pulveriza e aspira o conteúdo do cristalino, deixando a membrana posterior intacta. Então, coloca uma lente intra-ocular, cuja potência foi calculada previamente por ecografia, e em que os pernos vão assegurar a estabilidade da lente.

Depois da operação irá ter que colocar gotas oftálmicas nesse olho. O nome das gotas, a frequência de utilização e a duração do tratamento será estipulado pelo seu médico. A sua visão irá melhorar progressivamente ao longo dos dias, mas na grande maioria dos casos, a visão correcta apenas é obtida após a substituição dos seus velhos pares de óculos.
Depois da operação é-lhe permitido ler, ver televisão, andar, baixar-se….todas as suas actividades diárias. No entanto, terá que respeitar três recomendações durante quinze dias:
- Primeiro, nada deve tocar no seu olho – uma pancada pode reabrir a ferida operatória. Recomenda-se evitar qualquer desporto, usar óculos de protecção para manter as crianças afastadas dos olhos dos seus avós.
- Não irrite o seu olho; tenha cuidado quando usar champô ou sabonete e não frequente piscinas.
- Por fim, evite todas as fontes de infecção. Evite constipar-se e não contacte com pessoas infectadas. Uma infecção ocular é uma complicação grave que necessita de tratamento urgente. Se o seu olho ficar vermelho ou doloroso, ou perder subitamente a visão, contacte imediatamente o seu oftalmologista.

Leave a Reply